O Padrão da Cadeira de Custódia do MSC

O Padrão de Cadeia de Custódia do MSC assegura que os produtos das pescas sustentáveis e certificadas pelo MSC são rastreáveis e são mantidos em separado dos produtos que não são certificados.

Desde o oceano até ao teu prato, o peixe e marisco podem passam por diversas fases. As cadeias de fornecimento podem ser muito complicadas. 

Para que os produtos possam ter a etiqueta azul do MSC, cada empresa na cadeia de fornecimento tem de possuir um certificado de Cadeia de Custódia válido. 

Para que possam ser certificados, as empresas passam por um processo de auditoria levado a cabo por Organismos de Certificação independentes.

O que é avaliado?

Existem 5 princípios chave que cada empresa tem de seguir para que possa obter a certificação.
  1. Comprar produtos certificados a um fornecedor certificado

    .

  2. Os produtos certificados são identificáveis

    .

  3. Os produtos certificados são segregados

    .

  4. Os produtos certificados são rastreáveis e os seus volumes são registados

    .

  5. A organização tem um sistema de gestão

    .

YouTube

Watch video

O que é a Cadeia de Custódia do MSC?

03:00

Negócios diferentes, necessidades diferentes

O Padrão da Cadeia de Custódia foi actualizado em 2015 e consiste agora numa única versão, juntamente com as versões do Organização do Grupo e do Consumidor (CFO). O Padrão é revisto a cada três anos.


  • '{{item.Image.Title}}', {{item.Image.Artist}}, {{item.Image.Description}}